Campo Mourão

Igreja divulga programação de missas

Walter Pereira

24/12/2012 às 09:47 - Atualizado em 24/12/2012 às 09:47

A igreja católica definiu uma programação especial das missas para este Natal e Ano Novo. No dia 24, véspera de Natal, segunda-feira, haverá a missa da vigília, às 21 horas, celebrada pelo bispo diocesano Dom Francisco Javier Delvalle Paredes. Já no dia 25, será às 8 e 19 horas na catedral. No dia 31, véspera de Ano Novo, às 21 horas e no dia 1º de janeiro, às 8 e 19 horas.

De acordo com pároco da catedral, Clauber Krieck, a Igreja tem orientado os fieis a se confessarem antes do Natal. “É fundamental e essencial se preparar para o Natal com uma confissão”, falou. Desde o dia 12 foram realizados mutirões de confissões em todas as paróquias de Campo Mourão. O movimento encerrou na paróquia Santa Cruz, na sexta-feira, mas segundo o padre, quem ainda não se confessou pode procurá-lo na catedral ou o padre Jurandir até o dia de Natal. “Salutar que todos os fiéis estão se preparando muito bem com o sacramento da confissão. A confissão nos reconcilia com Deus, conosco mesmo e com o próximo e celebrar sem reconciliar não é celebrar o Natal”, comentou.

De acordo com o padre, o Natal está perdendo o seu verdadeiro significado. Muitos vêem na data a oportunidade para aquecer o comércio. “O Natal só tem um significado: o nascimento de Cristo. O único sentido do Natal é celebrarmos o nascimento de Deus que vem ao nosso encontro”, explicou o padre. “O Natal não pode ser o Natal do papai Noel, mas sim o Natal do papai do céu. Porque é esse Deus que vem ao nosso encontro”, acrescentou.

Krieck falou que a igreja tem preparado principalmente as crianças sobre a importância da data durante a catequese e celebrações. “Explicamos para o povo que o Natal tem um sentido único que é o nascimento de um salvador que se fez um de nós”, falou. O padre deixou a seguinte mensagem para os fiéis neste Natal. “Que nós possamos celebrar este Natal se reconciliando com o sacramento da penitência. Se confessar é se colocar no colo de Deus e deixar Deus nos pegar no colo. E dessa maneira estaremos celebrando muito bem o Natal”, completou. 

Publicidade
Publicidade
Imagem do Dia

Mini Museu João Pedro Senger, no distrito de Sertãozinho

Publicidade