Esportes

Alunos do Formando Cidadão disputam torneio de xadrez

Clodoaldo Bonete

20/08/2011 às 11:37 - Atualizado em 04/12/2011 às 10:25

Clodoaldo Bonete
A disputa teve a participação de alguns policiais

Em comemoração aos 157 anos da Polícia Militar do Paraná, alunos do programa Formando Cidadão participaram na quinta-feira passada de um torneio de xadrez, na Associação da Polícia Militar de Campo Mourão. A disputa teve a participação também de alguns policiais, que apreciam o esporte. De acordo com o soldado Devair Domingues, que coordena o projeto no 11º BPM, o programa atende atualmente 30 adolescentes e todos participam de aulas de xadrez.

Além do xadrez eles também praticam futsal, futebol suíço, capoeira, karatê, além de outras atividades como dança. “São várias as atividades que envolvem os alunos do projeto”, comenta ele.  Torneios como o de xadrez, segundo o policial, contribui para momentos de confraternização e de conhecimento entre os adolescentes. “Sabemos que o xadrez desenvolve a mente e ajuda o aluno, principalmente nas aulas de matemática. É um jogo de estratégia.”

Os alunos do Formando Cidadão também participam de campeonatos de futsal pela cidade.  O torneio de xadrez foi coordenado por um professor do Sesc. O adolescente B. S. R., de 14 anos, que mora no jardim Bandeirantes contou que pratica o xadrez há pelo menos dois anos e fala das vantagens de aprender esse tipo de esporte. “Gosto muito do xadrez e admiro quem joga, pois é um esporte que ajuda muito no estudo da matemática. É um jogo de memória e que nos leva a pensar bastante. Isso é muito importante. Já participei de alguns campeonatos pela escola e quero aprender cada vez mais”, completa.

O projeto Formando Cidadão agora elege também o aluno destaque de cada bimestre na escola. “Agora para estar incluído no programa, o aluno precisar se destacar na escola, em casa e no projeto”, diz o policial Domingues. O Formando Cidadão atende adolescente de 12 a 17 anos, desde o ano de 2000 em Campo Mourão. Nesse período já recebeu vários jovens e muitos foram encaminhados para o mercado de trabalho.

Publicidade
Publicidade
Imagem do Dia

Mini Museu João Pedro Senger, no distrito de Sertãozinho

Publicidade